Namoro e Sexo

Sou garota, mas gosto de me vestir como um menino. Porque?!?

Meu nome é Mariana, tenho 14 anos.
Eu sou hetero, não tenho nenhum tipo de interesses por meninas, eu gosto mesmo é de MENINOS, mas tenho um estilo muito diferente: Eu me visto de forma meio masculina e meio feminina.
Gosto de deixar meu cabelo sempre mais curto, estilo “joãozinho”, me maqueio de forma bem discreta e coloco bonés, bermudas, bem no estilo dos garotos.
Afinal, por que prefiro parecer um menino do que uma menina ?

Olá Mariana.
Antes de procurar uma resposta para sua pergunta você deve refletir sobre o que te incomoda nesse comportamento.

As pessoas naturalmente buscam uma explicação para tudo que foge a um “padrão social” – Meninas vestem rosa e Meninos vestem azul – Será mesmo?

A questão principal é como lidamos com nossa forma de nos comportar e também como recebemos as opiniões da sociedade sobre isso.944290321a8356359495l

Você já deixou claro que seu estilo não tem relação com sua sexualidade e, mesmo que tivesse, vestir-se como menino não significa que você seja homossexual. A sexualidade de uma pessoa não depende da forma como ela se veste, mas sim do que ela sente em seu coração.

Todos nós temos estilos e gostos diferentes, já pensou que chato seria se  todos nós fossemos iguais?

Na adolescência é normal experimentarmos a mudança.

Um dia cortamos o cabelo diferente, as vezes até mudamos a cor, no outro já não gostamos mais e isso é normal.

Essa fase da vida é rechedada de experimentação e isso é bom, pois nos ajuda a formar nossa personalidade e entendermos melhor quem somos.

Fique tranquila pois não há nada de errado em seu estilo “muito diferente”.
Ser diferente é bom, mas melhor ainda é aprender a conviver com as diferenças.

Grande abraço.

Valter Mendes
Psicólogo – CRP 06/93560

* Nota Ligação Teen: Existe um estilo que vem ganhando adeptos pelo mundo. É o estilo Tomboy, em que garotas se vestem com roupas masculinas. Em breve falaremos mais sobre este assunto.

Matéria Publicada Originalmente em Abril/2011.

Share on Google+1Tweet about this on Twitter8Share on Facebook5