Tempo Estimado de Leitura: 2 minutos

O ator Rafael Miguel, que no último remake de Chiquititas, interpretou o personagem “Paçoca”, e seus pais foram assassinados, neste domingo, 9, no bairro da Pedreira, zona sul da capital paulista. O jovem tinha apenas 22 anos, seu pai João Alcisio Miguel, 52 anos, e sua mãe Miriam Selma Miguel, 50.

O crime ediondo aconteceu na residência de Isabela Tibcherani, de 18 anos, namorada de Rafael. Os três foram recebidos pela jovem e pela mãe dela. Enquanto conversavam, o pai da menina, o comerciante Paulo Curpertino Matias, de 48 anos, chegou em casa armado e atirou nas três vítimas, que morreram no local. O caso foi registrado como homicídio consumado no 98º DP.

Segundo a polícia, Rafael e seus pais foram a casa de Isaebela para conversar sobre o relacionamento entre os jovens.

Rafael ficou conhecido nacionalmente ao participar de um comercial no qual pedia brócolis à mãe em um mercado. Depois, também fez fama ao interpretar Paçoca, em Chiquititas, no SBT. Na TV Globo, atuou em “Pé na Jaca”, como o Percival, em 2007.

Em sua última publicação no Instagram ele se declarou para a namorada. “Feliz primeiro ano! Eu te amo demais, mulher maravilhosa“, escreveu.

 (Foto: Reprodução / Instagram)

Fãs e amigos de Rafael se manifestaram nas redes sociais.

A apresentadora Maísa escreveu no Twitter: ““Bizarro saber q uma crueldade dessas aconteceu, ainda mais com uma pessoa que eu conhecia. Mais vidas foram interrompidas pelas mãos de um homem. Rafael & família, descansem em paz. Que Deus conforte todos os corações. Que a justiça seja feita. Chega de assassinato. 🙁 “

“Vai em paz meu irmão…. vai fazer mt falta aqui @rafaelmiguelreal”, escreveu Filipe Cavalcante, ator de Chiquititas.

“Meu Deus…..tentando entender o que não quero e não consigo entender…Assassinaram o Rafael Miguel….um menino…um garoto com a vida…”, escreveu Carla Fioroni, que contracenou com Rafael em Chiquititas.

Assassino teria agido por ciúmes e está foragido.

De acordo com o jornalista Luiz Bacci, apresentador do Cidade Alerta, da RecordTV, o pai teria cometido o crime por ciúmes da própria filha.

Paulo Curpertino Matias, de 48 anos, fugiu do local e ainda está foragido.

(Foto: Reprodução / Instagram)