Home - Geek & Games - Humorístico ‘Tá no Ar’ satiriza jogadores gays com ‘videogame da família moderna’
videogay-1426863759769_450x253

Humorístico ‘Tá no Ar’ satiriza jogadores gays com ‘videogame da família moderna’

O programa humorístico “Tá no Ar“, da Globo, satirizou mais uma vez a comunidade gay em um quadro exibido ontem (19/03) em uma cena que imita um comercial de TV, onde é apresentado o “Videogay, o primeiro videogame da família moderna“.

Com várias referencias digamos preconceituosas, como por exemplo achar que somente gays e garotas gostam de rosa, ou que gays querem ser princesas, são mostradas várias sátiras de jogos, como “Super Mario Boys” onde você pode ser “a princesa destes boys magia”, um jogo de ação no melhor estilo “Grand Theft Auto”, intitulado “GLBTA IV“, o game de futebol “BIBA 15” e outros, como “Pokémona” e “Dragqueen Ball Z“.

Os console (não sei como não mudaram o nome para “consolo”)  lembra o Playstation 3, só que totalmente rosa, e fabricado pela empresa Microbofe, uma referencia a Microsoft.

No Twitter, o ator Marcelo Adnet diz que o foco da piada está nos jogos, não os gays. E você, concorda com o Adnet ou acha que é mais uma maneira de deturpada de apresentar os gays para a sociedade? Deixe sua opinião nos comentários, logo abaixo.

Nota do Autor: Mas como um autêntico Geek & Gaymer eu acho que seria muito legal se as produtoras criassem não jogos segregados para o público gay, mas sim que houvesse mais possibilidades de adaptação nas histórias dos grandes clássicos. Afinal gosto de jogos de tiro, jogos de luta, gosto de corrida, tanto quanto qualquer outro garoto. #FikaDika

Se você perdeu o programa ontem, confira abaixo a cena do vídeogay abaixo:

Fonte: UOL Games

(Visited 80 times, 1 visits today)

About Fabiano Matos

Idealizador do Portal Ligação Teeen. Acredita que a idade não está no RG, mas sim nos atos e cabeça de cada um. Curte tecnologia e é vidrado no mundo do entretenimento pop, principalmente cultura teen e street. Onde me encontrar? O mundo é minha casa, mas o facebook, o meu diário.