Tempo Estimado de Leitura: 4 minutos

Neste domingo, dia 10 de julho é comemorado o dia da pizza. A data é comemorada desde 1985 quando o então secretário de turismo, Caio Luís de Carvalho, satisfeito com o sucesso de um concurso estadual realizado para eleger as 10 melhores receitas de pizza de mussarela e marguerita, escolheu a data de encerramento do evento como dia oficial para celebrar essa delícia.

Para conhecer um pouco mais sobre a pizza e não exagerar nas calorias no fim de semana, que tal ler algumas curiosidades que vão deixar qualquer um com água na boca? Confira:

Origem da pizza

origem-pizzaAo contrario do que muitos imaginam a pizza não é italiana. Registros históricos apontam os egípcios como pioneiros ao criarem uma massa à base de farinha com água. Embora babilônios, gregos e hebreus também assassem massas misturando farinha de trigo e água em fornos rústicos ou tijolos quentes. Mas, foram os napolitanos os primeiros a acrescentar temperos como manjericão a um disco de massa assado.

Maior pizza do mundo

Maior pizza do mundoOs napolitanos bateram o recorde da maior pizza do mundo, servindo 1.858,88 metros da iguaria, segundo a Coldiretti, principal organização agrícola da Itália. O preparo da pizza gigante contou com toneladas de farinha; 1,6 tonelada de tomates; 2 toneladas de mussarela; 200 litros de azeite e; 30 kg de manjericão. Mais de 200 pizzaiolos participaram do preparo pizza e foram utilizados cinco fornos de madeira.

Pizza mais caro do mundo

Pizza mais caraA pizza mais cara do mundo leva em torno de 72 horas para ser preparada. Seus ingredientes são: mussarela de búfala, sal marinho rosa da Austrália, 3 tipos de caviar importados, camarão do tipo squilla mantis, 7 tipos de queijos e lagosta da Noruega. O fato de todos os ingredientes serem de partes diferentes do mundo torna a pizza mais exótica e luxuosa. Seu valor de US$ 12.000.

Pizza não é pecado

Pizza nao e pecadoNão é pecado se deliciar desse saboroso lanche. Patrícia Cruz, nutricionista comportamental, indica que basta consumir com moderação e prestar atenção na frequência.

Vilã da dieta?

pizza dietaPor conta de um dos seus principais ingredientes, a farinha de trigo – que é um carboidrato que era considerado um vilão na dieta – e os queijos – geralmente amarelos, ricos em gordura e sal – essa delícia pode acabar acarretando no ganho de uns quilinhos se não for consumida com moderação.

Quantidade certa

buffet-e-rodizio-de-pizza-a-domicilio-em-festas-e-eventos-630501-MLB20338725050_072015-FPara Patrícia, o número de vezes para se render as tentações das pizzarias depende muito do hábito alimentar diário. “Muitas pessoas se preocupam tanto em não consumir pizza. Mas acabam comendo durante a semana, massas com molho branco, preparações empanadas que são mais ricas em gordura, do que a pizza. Enfim, recomendo para os meus pacientes, 1 x/semana – 2 a 3 pedaços.” – comenta a nutricionista.

Pizza mais saudável

pizza-de-escarola-1341526763848_956x500Para deixar o lanche mais saudável a especialista recomenda optar por aquelas que combinam queijos mais magros como: cottage, mussarela de búfala, verduras (escarola, rúcula) tomate, milho, brócolis.

Sabores mais calóricos

1417733056610559628Patrícia alerta que os sabores que merecem ter a atenção redobrada são: os ricos em queijos, 4 queijos, à moda, pastrami com catupiry. Pois, geralmente, eles contam com um teor maior de calorias.

Sabores menos calóricos

r1Além de indicar os sabores mais ricos em calorias, a nutricionista também separou alguns que têm uma concentração menor de gordura, são eles: cottage com tomate cereja, atum sem queijo, mussarela

Pizza salgada x Pizza doce

Pizza Salgada e DoceEntre a versão doce e a salgada, Patrícia recomenda a tradicional pizza salgada, que normalmente é servida como prato principal e não sobremesa como, geralmente, é o caso da pizza doce.