Tempo Estimado de Leitura: 5 minutos

Prestes a trazer sua turnê para o Brasil, acaba de ser lançado o livro “Miley Cyrus – A biografia” biografia da cantora teen Miley Cyrus, que traz uma série de curiosidades sobre a vida da cantora teen mais polêmica da atualidade,

Em 224 páginas (com poucas fotos), a autora Sarah Oliver – que já escreveu sobre One Direction, Justin Bieber, dentre outros artistas – trabalha a favor da imagem da cantora. O título do capítulo 1 é “1992: Nasce uma estrela”. Miley parece não ter falhas. Mesmo sem ter acesso à cantora ou a seus familiares, a escritora faz do livro uma coletânea de relatos (uns mais batidos, outros nem tanto) da cantora. Também troca o nome da atriz January Jones (“Mad Men”) por January Lopes.

A globo.com leu um livro e fez um apanhado com 10 curiosidades sobre a ex-Disney Miley Cyrus, que você confere a seguir:

1. NOME X APELIDO
O nome de batismo é Destiny Hope (“Senti que seu destino era trazer esperança ao mundo”, justificou o pai, o cantor e ator Billy Ray Cyrus). Na infância, ganhou o apelido de Smiley (sorridente), mas os pais mudaram para Miley pouco antes de ela entrar na escola.Temiam que a filha fosse vítima de bullying. Não adiantou…

capa-do-livro-300x-4002. BULLYING
O livro conta que Miley teve infância feliz na fazenda, com bichos e na companhia de irmãos (uma meia-irmã, dois meio-irmãos e um irmão e uma irmã mais novos). Mas na escola a garota viu a vida ser transformada “em um inferno”. Colegas sentiriam inveja do fato de Miley ser rica e ter pai famoso. Zombavam do fato de ela ser pequena. Uma vez foi trancada no banheiro. No refeitório, ninguém queria ficar perto. “Passei o resto do ano sentada sozinha. Essa era a parte assustadora, estar sozinha”, afirmou em entrevista ao talk-show “The View”.

3. BEIJO DE LÍNGUA
“Miley não era toda doçura e inocência”, escreve Sarah Oliver. A cantora foi “expulsa da escola evangélica particular por rebeldia”. Explicou às amigas “o que era um beijo francês e roubou a cadeira motorizada de sua professora”.

4. LÍDER DE TORCIDA
Na infância, Miley fez parte da equipe de líderes de torcida do colégio e chegou a viajar o país em competições. Segundo seu pai, foi ao ver um musical no teatro que a filha demonstrou seu dom da premonição. “Estávamos assistindo à peça ‘Mamma mia!’ e Miley me cutucou e disse: ‘É isso que que eu quero fazer. Quero ser uma grande atriz’.”

5. CANHOTA FORÇADA A VIRAR DESTRA
Miley nasceu canhota, assim como o pai – mas Billy Ray Cyrus não se conformou em transmitir essa herança genética. “Meu pai dizia: ‘Você não devia ser canhota… Vai ter de aprender o mundo ao contrário, então precisa aprender a escrever com a mão direita’. E assim comecei a ser destra.” Na versão do livro, Miley é mesmo uma polivalente, pois aprendeu a tocar violão tanto com a esquerda como com a direita.

6. SORTUDA
Além de nascer “em berço de ouro”, Miley teve sorte para conseguir o papel da série da Disney “Hannah Montana”, que a tornou famosa. Os criadores gostaram tanto de seu teste, que, apesar de a acharem nova, esperaram dois anos até ter a idade certa. Ela tinha 11, e 13 quando filmou o primeiro episódio. Miley comentou: “Cinco minutos antes da audição, respinguei refrigerante em mim e um passarinho fez cocô na minha cabeça, e aparentemente isso dá sorte, porque consegui o papel.”

7. RELIGIOSA
O bisavô de Miley, Eldon Cyrus, era um pregador, e ela ia à igreja no início da adolescência. Também lia a Bíblia e orava diariamente. A cantora já falou sobre sua religiosidade, em entrevista à Fox News em 2008: “Acho que é minha fé que me mantém com os pés no chão, especialmente por eu ser seguidora de Cristo, com certeza. Viva como Cristo e ele viverá em você, e é isso que quero fazer”. Ao “TV Guide”, comentou: “A Bíblia é meu guia de ‘como fazer’ na vida”. Tinha a ideia de ficar virgem até o casamento e chegou a usar o anel de pureza, que abandonou.

giphy

8. PROBLEMA CARDÍACO
Miley tinha 15 anos de idade quando se sentiu mal num show e precisou chamar médicos: “Eles descobriram que havia um problema em seu coração e diagnosticaram um quadro de taquicardia. Por causa desse problema, Miley precisa ter cuidado para não se aquecer demais nem se exceder no esforço físico durante as apresentações.”

9. DEFENSORA DOS ANIMAIS
Ela foi homenageada pela ONG Peta (Pessoas pelo Tratamento Ético dos Animais). “Depois de terminar a filmagem de ‘Hannah Montana: O filme’, Miley sequestrou as galinhas usadas no filme, porque queria dar a elas uma vida melhor em sua fazenda no Tennessee. Ela saiu escondida do set e as levou embora antes eu alguém pudesse impedir”, diz trecho do livro. O que talvez a Peta não sabia é que Miley já disse que acha gatos “pavorosos”. “Cada vez que vejo um gato, acho que ele vai me atacar. Que vai acontecer o pior. Nunca vejo lealdade nos gatos. Eles vão me arranhar e fugir”.

10. SONHO DA CASA PRÓPRIA
Miley comprou sua primeira casa própria quando tinha 17 anos de idade. Pagou US$ 3,4 milhões pelo imóvel. Ele que ficava dois quarteirões de distância da residência dos pais, em Los Angeles, e tinha quatro quartos, cinco banheiros, piscina e quadra de tênis, além de estúdio de gravação e casa de hóspedes independente com outros dois dormitórios. Um ano mais tarde, Miley comprou uma segunda casa, agora no valor de US$ 4 milhões e mais longe de onde moravam os pais. Tinha cinco quartos, sete banheiros, uma academia, piscina e spa.

Curtiu? Saiba mais curiosidades e segredos sobre a Miley Cyrus, no livro. COMPRE AQUI.