Tempo Estimado de Leitura: 2 minutos

Não há nada pior do que beijar ou conversar com alguém que tenha bafo, não é mesmo? Então veja abaixo as dicas para você acabar com o mau hálito, e se você é BV está algo muito importante para que sua primeira vez seja inesquecível:

  • Escove a língua – muita gente só escova os dentes e esquece da língua. Ela também deve ser escovada e se não for, pode ser a causa de mau hálito. Ela pode ser limpa também com raspadores específicos.
  • Mantenha a sua boca hidratada. Beba bastante água durante o dia e/ou coma uma fruta como laranja para tal.
  • Refresque o hálito com um chá de hortelã ou o meu favorito, chupando sementes de cardamomo (não é pra mastigar e nem engolir, só chupar). Aliás, uma vez li em algum lugar que chupar cardamomo é um bom auxiliar para um beijo inesquecível. Experimenta e me conta depois. Eu confesso: a-do-ro cardamomo, portanto, sou suspeita.
  • Masque chiclete (sem açúcar). A ajuda não vem (só) do sabor artificial do chiclete, mas sim do aumento de produção de saliva. Como a boca seca é uma das principais causas do mau hálito, mantê-la úmida ajuda a reduzi-lo na maioria dos casos.
  • Escove os dentes e use fio denta. Está dica embora seja a mais óbvia normalmente é a mais esquecida pela galera. Não se esqueça de escovar os dentes sempre após as refeições e, também, antes de dormir (já que é no período da noite que as bactérias têm mais tempo para agir).

Se o problema persistir, é sempre bom consultar um dentista pra ver se não tem nenhum problema bucal causando o mau hálito ou procurar um médico pra descartar alguma patologia que esteja causando o problema.

Mais info sobre halitose tem aqui.

Diquinha plus pro mau hálito característico ao acordar já que estamos falando sobre isso: tenha sempre do seu lado um spray bucal (vende na farma) pra refrescar o hálito se por algum acaso resolver dar um beijo matinal em quem estiver do seu lado na cama e não “puder” escovar os dentes antes. Isso, ou uma daquelas folhinhas que derretem  imediatamente na boca.

Fonte: Homens Modernos